Just another WordPress.com site

Padrões Camuflados

As principais Camuflagens

    OD 

Usado extensivamente pelos soldados americanos durante a Segunda Guerra Mundial, e também na Guerra do Vietnam. Muitos tanques e outros veículos foram também pintados nesta cor. Não sendo muito eficaz, foi mais tarde trocado pelo Tiger Stripe e pelo Woodland. 

Este tipo de verde é ainda hoje usado, mais ou menos na sua forma original (a nível de cor), especialmente em ambiente urbanos/artificiais por equipas S.W.A.T. e também pelos Navy S.E.A.L. Usado também em equipamento táctico para poder ser usado em conjunção com outros padrões e manter alguma coerência no factor de camuflagem (por exemplo: joelheiras OD com B.D.U. Woodland). Assim, torna-se uma cor económica no que toca a custos com equipamento. Este tipo de “padrão” também passa simplesmente por ser de cor verde-escuro, de uma tonalidade neutra para não se destacar muito das cores existentes no ambiente circundante. 

Eficaz em: Floresta / Selva
Relativamente eficaz em: Urbano
Pouco eficaz em: Deserto 

  BLACK 

Usado preferencialmente por equipas anti-terrorismo tais como a S.W.A.T., as S.A.S. e o G.I.G.N. O preferido para operações nocturnas ou em ambientes de luminosidade reduzida. Para estas situações é comum existir a troca do preto para o azul. 

A cor preta também é usada, curiosamente, pelo aspecto sinistro e pelo factor psicológico que causa nos opositores. É também a cor mais neutra que existe em material táctico, pelo que a máxima “o preto fica bem com tudo” também é aplicável neste ramo. Contudo, mesmo para ambientes nocturnos, não é a melhor das camuflagens. 
Eficaz em: Urbano / Nocturno
Pouco eficaz em: Deserto / Selva / Floresta 

   WOODLAND 

  

O padrão Woodland foi introduzido em 1981 para substituir o OD. Adoptado por vários países como Bósnia, Israel, Espanha e muitos outros e obviamente pelos EUA, os quais estão agora a substitui-lo pelo ACU (All-Terrain). Intensivamente usado pelos EUA nos últimos anos, tanto no ramo do Exército (Incluindo Forças Especiais, SEALs, etc.) como na Marinha. Este é composto por 4 cores: verde, castanho-escuro e claro, e preto. As manchas são de dimensão média. Actualmente é um padrão em degeneração, vindo a ser substituido pelos padrões digitais mais eficazes. 

Eficaz em: Floresta
Relativamente eficaz em: Urbano / Montanha / Selva
Pouco eficaz em: Deserto 

  

  

  URBAN 

  

Composto por 4 cores: Branco, Preto, Cinzento-escuro e claro. Tem a mesma mancha e resolução do Woodland pois é baseado neste já conhecido padrão. As suas cores de elevado contraste e na base dos cinzentos destinam-o para ambientes urbanos. Pouco empregue no mundo pelas forças militares estando actualmente em fora de uso. Contudo, o padrão prevalece famoso para civis que o utilizam em roupa estilo street-wear. 

Eficaz em: Urbano
Pouco eficaz em: Deserto / Floresta / Selva / Montanha 

  FLECKTARN 

As origens do “Flecktarn” estendem-se até aos tempos da Segunda Guerra Mundial, onde um padrão camuflado semelhante ao actual foi experimentado pelas unidades das SS. Em 1976 foram a concurso vários camuflados na Alemanha, para substituir as fardas cinzentas que antes possuíam. O padrão aprovado foi o Flecktarn (“Fleck”: ponto ou borrão; “Tarnung” camuflagem), mas este só foi introduzido em massa em 1990. 

Este é ainda o actual camuflado do exercido Alemão. Usado também na Áustria, e na Força Aérea Belga durante os anos 90. Este camuflado é composto por um fundo verde-claro não muito abundante, coberto depois em quantidade pelos tais borrões ou pontos de cor verde-escuro, e depois em menos quantidade, de cor preta, verde amarelado e cor-de-laranja. 

Eficaz em: Floresta
Relativamente eficaz em: Selva / Montanha
Pouco eficaz em: Deserto / Urbano 

  DAN 

Usado essencialmente pelo Exército do Reino da Dinamarca, o Dan M84, é muito semelhante ao Flecktarn, mas com apenas 3 cores. Usado também noutros países na parte Norte da Europa. Este é identificado por um fundo verde-claro pouco visível, sendo depois predominantemente verde-escuro, com partes pretas. Funciona muito bem em florestas cuja predominância de verdes supera em larga escala os castanhos. 

Eficaz em: Floresta / Selva
Pouco eficaz em: Deserto / Urbano / Montanha 

  DPM 

Tendo por base o “Denison Smock” usados pelos Pára-quedistas do Exército Britânico nos anos 40, o DPM foi desenvolvido nos anos 60. Ao longo dos anos foi remodelado a nível dos tecidos que o compunham, e complementado com um capuz. Em 1984 a cor castanha sofreu um escurecimento, em 1990 ganhou novas formas, e de 1994 para cima foi trocado o castanho-claro (“tan”), por um castanho alaranjado. Existe uma versão para o Deserto em apenas 2 cores, usada em grande quantidade nos confrontos dos últimos anos no Médio Oriente, por parte do Exército Britânico. 

Este foi também adoptado por vários países tais como Holanda e Portugal entre muitos outros. O DPM consiste num fundo castanho-claro pouco abundante, depois coberto largamente por verde-escuro e castanho em quantidade praticamente iguais, completo por pequenas áreas pretas. A disposição das cores deste padrão assemelha-se a pinceladas, especialmente se formos a ter em conta o padrão em que se baseia, o Denison Smock, o qual era inicialmente pintado à mão.

Eficaz em: Floresta / Selva
Relativamente eficaz em: Montanha
Pouco eficaz em: Deserto / Urbano 

  US TIGER STRIPE 

Desenvolvido para as Forças Especiais do Exército Americano durante a Guerra do Vietnam por volta de 1965, este padrão era destinado a ser usado na selva, sendo o padrão em si concebido para ser usado a distâncias curtas (cerca de 45m). Este é uma adaptação de um outro padrão Britânico desenvolvido nos anos 50. O nome é proveniente das largas manchas pretas que o padrão possui, assemelhando-se às listas de um tigre, e daí: “Tiger Stripe”. 

Usado ainda actualmente em vários núcleos de forças especiais do Exército Americano, tal como nos SAS. Sendo composto essencialmente por preto e verde, estas cores estão dispostas como que rasgões. Nas áreas verdes podemos encontrar espaços castanhos circundados por um castanho muito claro. 

Eficaz em: Selva
Relativamente eficaz em: Floresta
Pouco eficaz em: Montanha / Deserto / Urbano 

  DESERT 3 COLOR

Esta variante do padrão Desert veio substituir o descontinuado, mas talvez mais mediático, Desert de 6 cores com as “pepitas de chocolate”, um padrão feito erroneamente tendo em conta os cenários onde iriam ser utilizados. O Desert de 3 cores veio-se provar como sendo muito mais eficaz.

Este padrão acabou por ver mais acção nestes últimos anos na Operação “Iraqi Freedom” do que durante os anos para os quais foi inicialmente desenvolvido, sob a forma de 3 cores. Espera agora substituição pelos mais recentes e considerados mais eficazes, padrões digitais. Apresentando menos 3 cores do que o antigo Desert de 6 cores, este passa simplesmente por uma base castanho claro (“Tan”), manchas grande de um verde pálido de tom claro com sombreados de castanho-escuro.

Eficaz em: Deserto
Relativamente eficaz em: Montanha
Pouco eficaz em: Montanha / Deserto / Urbano

  

  MARPAT WOODLAND 

  

Desenvolvido pelo Corpo de Fuzileiros dos EUA, o MARPAT (MARine Disruptive PATtern) não é necessariamente um conceito novo. Já o Flecktarn alemão troca as manchas grandes de cores por pequenos pontos. O modo como foi desenvolvido faz com que o olho humano reaja aos pixéis de modo a que não note nenhuma margem de mudança de cor (presente nos típicos camuflados de manchas de diferentes cores) e que desta maneira o camuflado não se destaque como um padrão isolado inserido na natureza mas sim que não se destaque de forma alguma, e assim sendo, se integre melhor. 

O MARPAT, como faz parte do nome, foi desenvolvido pela Marinha norte-americana e é usado pela mesma, nas duas formas que o compõe actualmente, o Woodland e o Desert. Está planeado também o seu uso fora dos Fuzileiros, sobre outro esquema de cores conhecido como o “Navy Working Uniform” (ou Farda de Trabalho da Marinha). 

Esta variante Woodland é composta por uma grelha de pixéis verde-escuros e castanho-alaranjados, com porções pretas e uma quantidade ainda menor de verde-claro. 

Eficaz em: Floresta / Selva
Relativamente eficaz em: Montanha
Pouco eficaz em: Deserto / Urbano 

  

  

 MARPAT DESERT 

  

Desenvolvido pelo Corpo de Fuzileiros dos EUA, o MARPAT (MARine Disruptive PATtern) não é necessariamente um conceito novo. Já o Flecktarn alemão troca as manchas grande de cores por pequenos pontos. O modo como foi desenvolvido faz com que o olho humano reaja aos pixéis de modo a que não note nenhuma margem de mudança de cor (presente nos típicos camuflados de manchas de diferentes cores) e que desta maneira o camuflado não se destaque como um padrão isolado inserido na natureza mas sim que não se destaque de forma alguma, e assim sendo, se integre melhor.

O MARPAT, como faz parte do nome, foi desenvolvido pela Marinha norte-americana e é usado pela mesma, nas duas formas que o compõe actualmente, o Woodland e o Desert. Está planeado também o seu uso fora dos Fuzileiros, sobre outro esquema de cores conhecido como o “Navy Working Uniform” (ou Farda de Trabalho da Marinha). Esta variante Desert é composta por uma grelha de pixéis castanho claro (“Tan”) em maior quantidade, sendo depois completo por 3 tons de castanho mais escuros, sendo o grau de escurecimento do tom de castanho inversamente proporcional à sua abundância no padrão, ou seja, o tom de castanho mais escuro neste padrão irá ser o que existe em menos quantidade.

Eficaz em: Deserto
Relativamente eficaz em: Montanha
Pouco eficaz em: Floresta / Selva / Urbano 

  

  

  ARPAT ALL-TERRAIN 

  

O ACU (“Army Combat Uniform”) foi desenvolvido para substituir o BDU (em uso desde 1981). Não mudando só o padrão em si, esta farda foi feita a pensar nos soldados, e por esta mesma razão desenvolvida à volta da opinião dos mesmos. Em relação ao BDU, sofreu diversas alterações a nível da disposição de bolsos (que se encontravam anteriormente em posições ineficazes, especialmente quando se usava um colete táctico por cima), ao nível do corte da farda em si de modo a restringir os movimentos o mínimo possível, ao nível de conforto foram criadas fundas para inserir protecções para os cotovelos e joelhos, e ao nível de segurança foram implementados visores infra-vermelhos para reflectirem a posição aos visores nocturnos de modo a evitar fogo amigo ou detecção de forças amigáveis em más condições de visibilidade. De um modo geral veio a eliminar muitos erros ou falhas presentes nos antigos BDU’s Woodland. 

Este está actualmente a ser implementado no Exército Americano, e virá brevemente a tomar o lugar de padrão base, tal como os MARPAT na Marinha. 

O nome ARPAT (Army Pattern) “All-Terrain” deste padrão não vem por acaso. As cores presentes neste padrão “digital” caminham no sentido de fazer com que este seja eficaz num máximo número de cenários. Possuem um fundo beije tipo Tan, e zonas cinzento esverdeado de densidades diferentes, uma mais clara que a outra para inserir algum factor de profundidade de campo retirada pela ausência de preto neste padrão. Este misto de 3 cores faz com que seja relativamente eficaz nos 3 principais cenários de combate, embora seja essencialmente um padrão de combate urbano. Quanto ao tipo de flora encontrada no nosso país, este padrão tende a destacar-se no ambiente. 

Eficaz em: Deserto / Montanha / Urbano
Pouco eficaz em: Floresta / Selva 

  

  

  MULTICAM 

  

Dentro do conceito “All-Terrain” do ACU, o Multicam (MULTIple CAMouflage) tem também como finalidade um camuflado que seja relativamente eficaz numa série de cenários. Ao contrário do ACU, o Multicam fica-se pelas técnicas “antigas” de camuflagem, sendo um tradicional padrão de manchas. Este foi desenvolvido por uma firma denominada “Crye Associates”. 

Ao contrário do ACU que fica limitado a 3 cores, o Multicam apresenta 7 cores diferentes: 4 tons castanhos e 3 tons verdes. Embora contenha uma boa quota de tons verdes, este padrão não será o mais eficaz para o nosso tipo de flora em Portugal. 

Embora não tenha actualmente nenhum contracto, este padrão foi desenvolvido em conjunção com o “Soldier Systems Center” do Exército americano. Actualmente encontra-se de livre venda a civis. 

Eficaz em: Deserto / Montanha
Relativamente eficaz em: Urbano
Pouco eficaz em: Floresta / Selva


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.